O que é fator de utilização de lâmpadas?

O fator de utilização de lâmpadas é um dado que diz respeito ao desempenho que aquela luminária possui frente às refletâncias do ambiente. Essa informação é fornecida pelo fabricante.

Dessa forma, ele é um dos componentes do cálculo luminotécnico, de extrema importância para o planejamento de uma iluminação eficiente. 

Portanto, continue lendo o artigo porque vamos discorrer mais sobre o assunto. Confira!

Entenda sobre o cálculo luminotécnico

O cálculo luminotécnico nada mais é do que um cálculo para definir quais são os equipamentos e luminárias mais eficientes para deixar aquele ambiente com a iluminação adequada. 

Assim, para fazer o cálculo, o método utilizado é o método dos lúmens. Ele foi definido pela CIE – Comissão Internacional de Iluminação. Além disso, outra tática, tendo como base a Lei de Lambert, também tem sua contribuição: o método ponto a ponto. 

Método dos lúmens: veja o passo a passo

Falando sobre o método dos lúmens, ele é bem simples e, em função de tudo o que já foi dito e se faz necessário para uma iluminação ideal, fornece um número único para alcançar o cenário desejado. 

Assim, antes de iniciar o método, deve-se fazer uma espécie de levantamento para que se chegue às características de instalação, que são as características construtivas da instalação (dimensões e classificação do tipo de iluminação), refletância das superfícies do ambiente, bem como a frequência da manutenção e quais são as condições de limpeza do local. A partir disso, pode-se dar início ao cálculo para alcançar o número único da luminância.

Sendo assim, os passos para se chegar a esse valor são:

  • Determine o nível de iluminação médio de acordo com a norma NBR ISO/CIE 8995-1;
  • Encontre o índice do local (k);
  • Calcule o fator de utilização de lâmpadas (U);
  • Defina o fator de manutenção (FM);
  • Limite o ofuscamento;
  • Determine o número de lâmpadas;
  • Veja como distribuir as luminárias.

Método Ponto a Ponto (ou Método das Intensidades Luminosa) 

Já falando sobre o método ponto a ponto, ele é mais utilizado quando as lâmpadas escolhidas são pontuais pequenas, com fechos de luz definidos. Pode-se citar, por exemplo, lâmpadas AR 70/111, lâmpadas dicróicas e lâmpadas halógenas tipo PAR.

Dessa forma, com uma condição específica onde a distância entre a fonte de luz e o objeto for, no mínimo, 5 vezes maior do que as dimensões da própria fonte de luz, é possível determinar a iluminância. O cálculo é feito dividindo a intensidade luminosa pela distância ao quadrado.

Fazer um projeto de iluminação pode ser um diferencial para sua empresa

Para fazer um projeto de iluminação, é necessário contratar uma empresa que seja especialista na área e possa prestar um serviço de alta qualidade. Esse é o caso da AALOK. A empresa possui certificado ISO 9001 e diversas outras certificações. Por isso, o atendimento é altamente especializado. 

Além disso, a qualidade do produto é impressionante, pois as luminárias possuem vida útil de até 100.000 horas. E também a manutenção é mínima, acarretando economia para o bolso do gestor.

Portanto, para ter uma empresa que proporciona qualidade de trabalho aos colaboradores, bem como segurança e um consequente aumento da produtividade, é necessário que o ambiente tenha uma iluminação adequada. Entre no site da AALOK e solicite um projeto!

Desenvolvido por: ADEMAIS